PASEP 2018

O PASEP 2018 é um benefício criado pelo Governo Federal para complementar a renda de trabalhadores do setor público com renda salarial de até 2 salários mínimos por mês. O pagamento do PASEP 2018 é realizado anualmente pelo banco do Brasil, para os trabalhadores que se enquadram nas regras do benefício.

PASEP 2018
PASEP 2018 – Calendário PASEP, tabela, datas de pagamento, Quem tem direito

Calendário PASEP 2018

Diferente de como acontece com o PIS 2018, pago pela CEF para trabalhadores do setor privado de acordo com a data de nascimento do mesmo, o PASEP 2018 é pago para os trabalhadores do setor público com base no final do número do PIS do mesmo. Confira abaixo o Calendário PASEP 2018, com as datas de pagamento do PASEP para trabalhadores do Setor público:

Tabela PASEP 2018:

Calendário PASEP 2018
Calendário PASEP 2018 – Tabela PASEP 2018

Quem tem direito ao PASEP 2018

Para ter direito ao Abono Salarial PASEP 2018, o trabalhador do setor público estar dentro dos critérios estabelecidos pelo Ministério do Trabalho e Emprego. É importante ressaltar que nem todos os servidores têm direito ao abono salarial 2018, sendo esse apenas garantido aos trabalhadores do setor público considerados de Baixa Renda. Confira abaixo os critérios do Ministério do trabalho:

  1. É necessário que o servidor público tenha, no ano base, renda mensal de até 2 salários mínimos por mês – considerando-se a média salarial de todo o ano base;
  2. Também é obrigatório quem durante o ano base, o servidor tenha tido pelo menos 30 doas com a carteira assinada para o serviço público para ter direito ao abono;
  3. É fundamental que a empresa pública para qual tenha prestado trabalho tenha entregue a RAIS ao Ministério do Trabalho em dia;
  4. Por fim, mas igualmente importante, é exigido que o servidor tenha pelo menos 5 anos de cadastro no PIS/PASEP.

Valor do PASEP 2018

O abono salarial PASEP 2018 tem como base o valor do Salário Mínimo 2018. O valor é calculado da seguinte forma:

  • Quem trabalhou com a carteira assinada durante todo o ano base, terá direito ao valor integral do benefício – Ou seja, 1 salário mínimo;
  • Quem trabalhou por menos de 30 dias no ano base com a carteira assinada, não terá direito ao Abono Salarial 2018;
  • Quem trabalhou por menos de 1 ano, mas mais de 30 dias, terá direito ao valor parcial do benefício, proporcional ao tempo de serviço conforme a tabela abaixo:
Tabela de valor PIS/PASEP
Tabela de valor PIS/PASEP

Atenção: Como parte do benefício deverá ser paga em 2018 e parte em 2019, considera-se o valor do “salário mínimo” da data de liberação do pagamento para o trabalhador. Dessa forma:

  • Se o pagamento for liberado em 2018, e o trabalhador sacar ainda em 2018, receberá o valor do Abono salarial com base no valor do salário mínimo 2018;
  • Se o pagamento for liberado em 2018, mas o trabalhador só realizar o saque do benefício em 2019, ainda será considerado o valor do salário mínimo como base de pagamento;
  • Se o pagamento for liberado em 2019 e o trabalhador realizar o saque em 2019, o valor do abono salarial vai usar como base o valor do salário mínimo 2019.

Como sacar o PASEP 2018

O saque do PASEP deverá ser feito em agências do banco do brasil ou em postos de atendimento autorizados do BB. Para fazer o saque, o servidor público precisa estar portando um documento de identidade, seu cartão BB (se tiver), e a sua carteira de trabalho.

Saque PASEP - Abono salarial BB 2018
Saque PASEP – Abono salarial BB 2018

O pagamento do PASEP 2018 poderá ser realizado de 3 maneiras diferentes:

  • Crédito em conta – caso o servidor seja cliente do Banco do Brasil;
  • Crédito em folha de pagamento – Caso a empresa pública para qual presta serviço tenha parceria com o BB;
  • Saque no atendimento – Realizado no atendimento do Banco do Brasil.

Lembre-se: O Abono PASEP é um benefício pago pelo Banco do Brasil para o trabalhador do setor público. Para o trabalhador do setor provado, consulte a Tabela PIS 2018, pago pela Caixa Econômica Federal.

Como saber se tenho direito ao PIS?

Como saber se tenho direito ao PIS

Como saber se tenho direito ao PIS – O Programa de Integração Social, mais conhecido pela sigla PIS 2018, é um projeto feito pelo Governo Federal, que dá uma espécie de décimo quarto salário para os trabalhadores de empresas privadas que cumpram os requisitos estabelecidos pelo Ministério do Trabalho.

Esse benefício é distribuído anualmente através do calendário PIS 2018, e os pagamentos são distribuídos ao longo de todo o ano. Agora, existe uma dúvida se você pode ter direito ao PIS ou não, já que algumas regras foram alteradas, fazendo com que muita gente não tenha certeza se irá receber esse dinheiro do Governo ou não.

Como saber se tenho direito ao PIS
Como saber se tenho direito ao PIS

Clique aqui e confira quem tem direito ao PIS.

Quem tem direito ao PIS – Como saber se tenho direito ao PIS

Uma primeira maneira para saber se você tem direito ao PIS é verificar se você cumpriu todos os requisitos que o Governo Federal exige para liberar esse benefício as pessoas. Segundo as regras do Abono Salarial Caixa, tem direito ao abono salarial todos os trabalhadores que:

  • Trabalham com cadastro no PIS há pelo menos 5 anos;
  • Tenha salário médio mensal de, no máximo, 2 salários mínimos;
  • Trabalhem com carteira assinada;
  • Trabalhem para empresa da iniciativa privada;
  • No ano base, tenha pelo menos 30 dias de serviço com carteira assinada;
  • Precisam constar na RAIS entregue ao Ministério do trabalho pelo Empregador.

Esses são os primeiros critérios usados pelo Governo para liberar esse abono salarial para milhares de trabalhadores por todo o Brasil. Mas, além disso, outro ponto importante que você deve levar em consideração é a questão do salário recebido, já que o PIS apenas é dado para quem recebe até no máximo 2 salários mínimos, em média, por mês. Leva-se em conta a média dos salários recebidos pelo trabalhador no ano base.

Trabalhadores cuja média salarial for superior a 2 salários mínimos ao mês não terão direito a receber o abono salarial 2018.

Por fim, um último ponto que você deve verificar sobre o PIS é perceber se a sua empresa preencheu todo o RAIS (Relação Anual de Informações Sociais) no tempo certo. Essas informações sobre o empregador são indispensáveis para o Governo Federal ter um controle de quanto irá gastar com o PIS a cada ano, por isso, devem ser preenchidas pelo menos um mês antes do pagamento ser realizado.

Consulta PIS na Caixa

Outra forma de verificar se você tem direito ao PIS e também ver qual a data de pagamento desse benefício, é Consultar o PIS diretamente em uma agência bancária da Caixa Econômica Federal munido do seu cartão cidadão e perguntar se você tem direito a esse benefício.

O próprio funcionário da Caixa vai te informar se você tem direito ao PIS, já que caso o seu cadastro esteja regularizado, ele vai aparecer no sistema desse banco, fazendo com que fique mais fácil você organizar o seu orçamento financeiro, levando em consideração se você tem ou não direito a esse benefício.

Outra forma de realizar essa consulta do PIS e saber se você tem direito a esse benefício é ligar para a central de atendimento Caixa Econômica através do 0800 726 0207, informar o número do PIS e por fim aguardar a atendente verificar no sistema se você está incluído.

Consulta PIS

O PIS é um benefício de grande importância. Anualmente, as pessoas ficam ansiosa querendo saber quando receberá o seu benefício. Estas informações podem ser verificadas na tabela do PIS 2018. Após constatar a data é sempre bom que fique consultando o PIS com objetivo de observar se o valor já foi depositado. Uma das formas de fazer esta consulta ao PIS é pela internet. Quer saber como? Leia o artigo abaixo!

Consulta PIS
Consulta PIS – Como consultar o saldo do PIS 2018

Consulta PIS pela internet

A consulta ao PIS pela internet é uma das formas mais utilizadas para verificar se o valor foi depositado em conta. Muitas pessoas preferem este método pois é muito simples e fácil de ser executado, além de não precisar se locomover para nenhum outro lugar. A consulta PIS pode ser realizada do conforto de sua cama ou sofá, basta apenas que tenha um computador com acesso à internet.

A consulta PIS é realizada em dentro de poucos minutos e se resume à pouquíssimos passos, são eles:

  1. Primeiramente, acesse o site da Caixa Econômica Federal, mais precisamente à área de consulta ao PIS, pelo seguinte endereço eletrônico: https://servicossociais.caixa.gov.br/internet.do?segmento=CIDADAO01.
  2. No segundo passo, você deve preencher os campos do formulário de acesso. Primeiramente, você deve informar o número de inscrição social (Número do PIS), popularmente conhecido pela sigla NIS. Logo em seguida, deve preencher o outro campo com a senha internet. Esta é a senha de acesso aos serviços da Caixa pela internet. Caso ainda não tenha sua senha internet, é possível fazê-la rapidamente no site da CEF.
  3. Ao término do preenchimento do formulário de acesso à consulta PIS, você deve clicar no botão no ‘ok’. Caso as informações estejam todas corretas, você imediatamente será redirecionado a referida página.
Consulta PIS Online
Consulta PIS Online

Uma dúvida muito comum entre os beneficiados do Programa de Integração Social é onde encontrar o número do NIS. A sequência numérica pode ser encontrada nas primeiras folhas da sua carteira de trabalho ou também no site da Previdência Social, na internet. Além de consultar o saldo do abono salarial,

Aplicativo Abono Salarial Caixa

Uma das novidades lançadas pela Caixa Econômica Federal para beneficiários do Abono Salarial é a possibilidade de consultar o Abono Salarial através do Aplicativo Caixa Cidadão. Esse aplicativo foi desenvolvido para o trabalhador ter acesso rápido ao saldo do Cartão cidadão, sem precisar sair de casa.

Abono Salarial Caixa
Abono Salarial Caixa

Basta instalar o aplicativo em seu celular ou Tablet e inserir o número do PIS/PASEP (o número impresso no seu Cartão Cidadão, e presente na Carteira de Trabalho.

Que tem direito ao PIS

Uma dúvida muito comum entre os brasileiros é quem tem direito ao PIS. Trata-se de uma pergunta com uma resposta muito simples e básica. Isto porque as regras para ter direito ao PIS se resume a pouquíssimos pontos, são eles:

  • É necessário ter um cadastro no PIS de, no mínimo, 5 anos.
  • A empresa na qual trabalhou no ano-base precisa ter feito a entrega da Relação Anual de Informações Sociais, também conhecida pela sigla RAIS, ao Ministério do Trabalho.
  • Ter exercido atividade remunerada por, no mínimo, 30 dias no ano anterior, podendo ser consecutivos ou não. É importante que este vínculo empregatício tenha sido feito com carteira assinada.
  • O valor do seu rendimento mensal não pode exceder o valor equivalente à dois salários mínimos. Portanto, o trabalhador não pode ultrapassar o valor de R$1760.

Está com alguma dúvida sobre como realizar a consulta PIS? Diga

Calendário PIS 2018

O PIS é um benefício pago aos trabalhadores de forma anual. Este pagamento é definido por um cronograma elaborado pelos órgãos responsáveis pela manutenção do benefício. Portanto, anualmente, as datas dos pagamentos se alteram, fazendo com que tenha que consultar o período de acordo com seu mês de aniversário. As datas de pagamentos são disponibilizadas por meio do chamado Calendário PIS 2018. Você já conhece? Não? Leia o artigo abaixo!

Calendário PIS 2018
Calendário PIS 2018 – Datas de pagamento do Abono Salarial 2018

Calendário PIS 2018

O calendário PIS 2018 é o meio pelo qual os beneficiários devem consultar para se informar sobre o mês e data de recebimento do PIS 2018. Este calendário é elaborado anualmente, portanto, um calendário de anos anteriores não servirá para este ano. Este documento é organizado pelo Ministério do Trabalho e também a Caixa Econômica Federal, órgãos responsáveis pela administração deste benefício.

Calendário PIS 2018
Calendário PIS 2018 – Tabela PIS 2018

A tabela PIS 2018 foi elaborado para que as datas de pagamento dos benefícios ficassem totalmente organizadas. Assim como, evitar que milhões de pessoas fossem nas agências bancárias receber simultaneamente seu benefício, congestionando todo o sistema e as agências bancárias.

Vale lembrar que os correntistas da Caixa Econômica Federal podem receber o benefício diretamente em conta. Se você tem conta individual na Caixa, verifique o extrato da sua conta. O calendário PIS 2018 para depósitos é ligeiramente diferente, e pode ser conferido abaixo.

Tabela PIS 2018 para Correntistas
Tabela PIS 2018 para Correntistas

O calendário do PIS 2018 pode ser encontrado disponível tanto pela internet, através da tabela do PIS indicada acima, quanto nas agências e lotéricas da Caixa Econômica Federal. Na maioria das instituições bancárias da Caixa existe uma parte dedicada à disponibilização de papéis informando sobre avisos importantes à respeitos dos benefícios fornecidos.

Pelo calendário PIS 2016, o benefício começou a ser pago no mês de julho e deve se estender até o mês de março do próximo ano. Já a data limite do recebimento do valor está definida em 30 de junho.

Quem tem direito ao PIS 2018

Para que o benefício não seja ocupado por pessoas que necessariamente não precisam, o PIS 2018 estabeleceu algumas regras, são elas:

  • No ano-base, o salário não deve ter ultrapassado o valor de dois salários mínimos. No caso, a quantia de R$1.760, de acordo com o salário mínimo vigente em 2016.
  • Ter laborado com carteira assinada por, no mínimo, 30 dias consecutivos ou não.
  • A empresa na qual você trabalhou precisa ter enviado a Relação Anual de Informações pessoais, que atende pela sigla RAIS, ao Ministério do Trabalho.
  • Estar matriculado no Programa de Integração Social por, no mínimo, 5 anos. Geralmente, este cadastro ocorre no momento em que emite a carteira de trabalho.

Valor do PIS 2018

O valor do PIS 2018 acompanha a cotação atual do salário mínimo. Portanto, em 2018, a quantia do benefício está no valor de R$ 1020,00. No entanto, as pessoas que recebem o PIS 2018 no ano seguinte possuem uma grande vantagem: Como o valor do PIS acompanha a cotação do salário mínimo, o valor do PIS 2017 é atualizado de acordo com o ano de 2018.

Valor do Abono Salarial 2018
Valor do Abono Salarial 2018

Está com alguma dúvida sobre o calendário PIS 2018? Diga-nos na área de comentários para que possamos solucioná-los.

Como sacar o PIS 2018

O Saque do seu Abono Salarial 2018 pode ser feito em agências da Caixa Econômica Federal, em lotéricas, ou em postos de atendimento Caixa Aqui.

Para sacar o seu benefício, você precisa ir à um desses postos de atendimento com o seu Cartão Cidadão dentro da data prevista para saque no Calendário PIS 2018. O saque do benefício pode ser feito tanto no atendimento pessoal quanto no caixa eletrônico.

Se você for correntista da Caixa Econômica Federal o seu PIS 2018 pode cair diretamente na sua conta (desde que seja uma conta individual). Antes de tentar sacar, confira seu extrato para saber se o dinheiro não caiu já na sua conta.

PIS PASEP 2018

Outro benefício importante de abono salarial é o PASEP 2018. Esse benefício funciona de forma bastante similar ao PIS, porém com algumas diferenças bem sutis. Confira a seguir:

  • O PASEP é o abono salarial pago para trabalhadores do serviço público, enquanto que o PIS é pago para trabalhadores da Iniciativa Privada;
  • O PASEP é pago pelo banco do Brasil, enquanto que o PIS é liberado pela Caixa Econômica Federal;
  • Outra diferença é na tabela de pagamento: o calendário do PIS é diferente do calendário do PASEP: Enquanto que o PIS é pago de acordo com o mês de nascimento do trabalhador, o PASEP é pago de acordo com o final do número de inscrição do NIS do servidor público.

Tanto o PIS quanto o PASEP são benefícios muito importante, especialmente para os trabalhadores de baixa renda, pois funcionam como um décimo quarto salário. Ele ajuda muita gente a fechar as contas no final de ano, além de servir para colocar a economia para girar.

PIS 2018

O PIS 2018 é um dos benefícios mais esperados pela classe trabalhadora brasileira. Isto porque muitas pessoas utilizarão essa quantia para fazer algumas atividades que não seriam possíveis sem um dinheiro extra, como reformar a casa ou fazer uma pequena viagem. No entanto, embora seja bastante conhecido, poucas pessoas desconhecem algumas informações que envolve esse benefício. Caso esteja incluído nesse grupo, fizemos esse artigo especialmente para você.

PIS 2018
PIS 2018 – Abono Salarial Caixa 2018

Calendário PIS 2018

O calendário do PIS 2018 é a forma do beneficiário ficar totalmente informado sobre a data de pagamento do seu benefício. Os pagamentos são determinados de acordo com o mês de seu aniversário.  Os pagamentos do PIS começaram no mês de julho de 2017 e vão se estender até o fim do mês de março do próximo ano. Tendo como uma data limite para retirada até 30 de junho de 2018.

Calendário PIS 2018
Calendário PIS 2018 – Tabela PIS 2018

A tabela do PIS 2018 pode ser consultada diretamente acima. Mas você pode também encontrá-los disponíveis nas agências da Caixa ou lotéricas. Portanto, é sempre recomendado que pegue ou imprima um calendário PIS 2018 e deixe em algum local bastante visível, para que não perca a data de saque do seu benefício.

Consulta PIS 2018

Você pode realizar uma consulta ao PIS 2018 visitando uma agência da Caixa Econômica Federal, organização financeira responsável pela manutenção do benefício. Na ocasião, você deve com o cartão do cidadão em mãos, caso queira consultar o saldo em um caixa eletrônico de autoatendimento. Caso não tenha o cartão, você deve dirigir-se até o guichê de atendimento pessoal. Para realizar a consulta do pis pelo guichê é preciso que esteja portando os documentos pessoais, como carteira de identidade e carteira de trabalho.

Consulta PIS
Consulta PIS – Como consultar o saldo do PIS 2018

Você também pode fazer a consulta ao PIS pelo telefone. A ligação é totalmente gratuita. As ligações podem ser realizadas de um telefone fixo ou também celular pelo seguinte número: 0800 726 0207.

Quem tem direito ao PIS 2018

O PIS 2018 não é um benefício acessível a todas as pessoas; muito pelo contrário. É necessário que obedeça à uma série de diretrizes definida pelos órgãos responsáveis. Para que consiga o pagamento do benefício é preciso que se encaixe em todos os benefícios.

  • A renda bruta mensal no ano-base não deve ultrapassar o valor de dois salários mínimos. No caso, a quantia de R$ 1760,00.
  • O trabalhador precisa ter exercido atividade remunerada por, no mínimo, 30 dias com carteira assinada no ano-base.
  • Ter uma inscrição no benefício por, no mínimo, 5 anos.
  • O seu vínculo empregatício precisa ter entregue a Relação Anual de Informações Pessoais, também conhecida como RAIS, ao Ministério do Trabalho.

Valor do PIS 2018

Quem ainda não está incluso no benefício, tem muita curiosidade sobre o valor referente ao benefício. O valor do PIS sempre acompanha o valor do salário mínimo vigente no País. Na ocasião, o valor do Abono Salarial 2018 corresponde à quantia de R$ 1020,00. Embora seja pouco, sempre é bem-vindo, pois ajuda a complementar a renda familiar, especialmente de trabalhadores de baixa renda.

Abono Salarial 2018

O abono salarial 2018 é um dos benefícios concedidos anualmente ao trabalhador brasileiro. Na ocasião, o abono também é conhecido com outro nome: Programa de Integração Social, ou a sigla PIS. Embora seja destinado ao trabalhador, não são todos que possuem acesso a este benefício. Por isso, é preciso que fique bem atento à todas informações relativas ao benefício. Então, quer ficar se informar um pouco mais sobre o abono salarial 2018? Leia o artigo abaixo!

Abono salarial 2018
Abono salarial 2018 – Calendário, Valor, Quem tem direito, e muito mais!

Abono salarial 2018

O abono salarial 2018 é um benefício elaborado pelo Governo Federal com objetivo de fazer a integração salarial do empregado do setor privado, de acordo com o tempo de trabalho. O órgão financeiro responsável pela administração e pagamento do abono salarial é a Caixa Econômica Federal, e o pagamento desse benefício

Este benefício é pago de forma anual de acordo com um calendário do PIS. Esta tabela especifica detalhadamente a data de pagamento de cada beneficiário de acordo com o mês de nascimento do indivíduo. Este calendário pode ser encontrado facilmente na internet ou também nas agências bancárias da Caixa.

As datas de pagamentos do abono salarial PIS 2018 foram definidas de acordo com o mês de aniversário por vários motivos. No entanto, um dos mais plausíveis é para não congestionar as agências bancárias num só dia. Assim como não comprometer outros repasses do Governo Federal para outras áreas fundamentais, como Educação e Saúde.

Calendário Abono salarial 2018

O calendário do Abono salarial 2018, também conhecido como Calendário PIS 2018, foi divulgado pela Caixa Econômica Federal em maio, e contem as datas de pagamento da Tabela do Abono Salarial 2018.

Calendário PIS 2018
Calendário PIS 2018 – Tabela PIS 2018

Se você tem direito a receber o benefício, aguarde a data de liberação do seu Abono, e vá á uma agência da Caixa Econômica Federal para sacar o seu abono. Para sacar, você precisa portar algum dos documentos listados a seguir:

  • Cartão Cidadão – Para saque do Abono Salarial no atendimento Caixa e no caixa Eletrônico;
  • Cartão Bolsa Família – Também é possível realizar os saque do  PIS com o cartão bolsa família, mas somente é possível sacar o benefício do titular doc cartão;
  • Carteira de trabalho – A carteira de trabalho pode ser usada para sacar seu abono salarial se você não tiver o cartão cidadão. Para sacar, vá ao atendimento do banco munido da CTPS e solicite o saque do benefício.

Além de agências da Caixa o beneficiário também pode realizar o saque de seu benefício em algum dos seguintes locais:

  • Lotéricas;
  • Caixa eletrônico da Caixa Econômica Federal;
  • Postos do Caixa Aqui.

Valor do Abono Salarial 2018

Um questionamento bem comum é sobre qual é o valor do abono salarial. O valor do Abono Salarial acompanha a cotação do salário mínimo 2018. Portanto, neste ano de 2018, o valor do abono salarial é de R$1020,00. Provavelmente, com o aumento do salário mínimo de 2018, a quantia do benefício também aumentará. Quem recebe o abono salarial 2018 desse ano, recebe no ano posterior recebe com valor atualizado do salário mínimo.

Valor do Abono Salarial 2018
Valor do Abono Salarial 2018

Quem tem direito ao Abono Salarial 2018

Agora que você já sabe boa parte das informações relativas ao programa, é preciso verificar se possui direito a tal benefício. As regras são poucas e simples, no entanto, é preciso que obedeça à todas elas. Quem tem direito:

  • O trabalhador precisa ter uma matrícula no PIS por mais ou 5 anos. Essa inscrição é realizada no momento da emissão da carteira de trabalho.
  • No ano-base, sua remuneração mensal não pode ter excedido o valor de dois salários mínimos.
  • A emprega na qual você prestou serviço deve ter entregado a Relação Anual de Informações Sociais, também conhecida pela abreviação RAIS.
  • O trabalhador precisa ter exercido atividade remunerada por, no mínimo, 30 dias consecutivos ou não com carteira assinada.

Como sacar o abono salarial 2018

Para fazer o saque de seu abono salarial é necessário que tenha o cartão do cidadão. Este cartão é confeccionado na própria Caixa, de forma gratuita, e pode ser pego após 30 dias à data solicitada. O saque do abono salarial poderá ser feito em agências conveniadas à Caixa, como Caixa Aqui e lotéricas. Além do saque, o beneficiário pode realizar a Consulta PIS para saber seu saldo.

Abono Salarial Caixa
Abono Salarial Caixa

Está com alguma dúvida sobre o abono salarial? Diga-nos na área de comentários para que possamos solucioná-los.

Tabela PIS 2018

10O Programa de Integração Social, mais conhecido pela sigla PIS, é um benefício pago anualmente às pessoas que exerceram atividade remunerada com carteira assinada. Trata-se de um valor que auxilia na complementação da renda de várias famílias brasileiras. No entanto, como não existe um contato direto entre o benefício e o beneficiado, você deve estar sempre consultando qual a data que deve receber o valor. Em questão, estas datas são divulgadas na tabela PIS 2018. Quer conhecer um pouco mais sobre esta tabela? Leia o artigo abaixo.

Tabela do PIS 2018
Tabela do PIS 2018

Tabela do PIS 2018

A tabela do PIS é o único meio onde estão informadas as datas corretas do pagamento do PIS 2018 de cada beneficiário. Este documento é divulgado anualmente pelos órgãos responsáveis pela administração e manutenção do benefício. No caso, o Ministério do Trabalho e a Caixa Econômica Federal.

Calendário PIS 2018
Calendário PIS 2018 – Tabela PIS 2018

Neste ano, o PIS começou a ser pago no mês de junho e deve se estender até o mês de março do ano de 2018. É sempre bom lembrar que os benefícios do PIS 2018 que serão pagos no próximo ano o valor acompanhará a cotação do salário mínimo de 2018.

As datas de pagamento de cada beneficiário são definidas de acordo com o mês de nascimento. Isto quer dizer, por exemplo, que se você nasceu no mês de janeiro, você receberá no dia tal. Já se você veio ao mundo em dezembro, o dinheiro estará depositado apenas em X do ano posterior. Esta foi a forma encontrada pelos órgãos de não tumultuar as agências bancárias concedendo o pagamento do benefício em um único dia.

O Calendário do PIS pode ser encontrado facilmente em qualquer agência da Caixa Econômica. Caso não encontre no lugar destinado à distribuição de informes e folders, você poderá ir até um funcionário pedir a tabela do PIS. Para que não passe da data limite de saque do PIS, é recomendado deixar a tabela do PIS num lugar visível, onde esteja sempre visualizando.

Quem tem direito ao PIS?

Para ter acesso ao PIS é preciso que esteja dentro de uns requisitos básicos definidos pelos órgãos que administram o benefício. Estas regras servem para o controle da quantidade de pessoas participantes do PIS. Para que receba o PIS é necessário que obedeça à todas as regras abaixo:

Abono Salarial Caixa
Abono Salarial Caixa
  • Seu vínculo empregatício precisa ter entregue a Relação Anual de Informações Sociais, que atende pela sigla RAIS;
  • A remuneração mensal não deve ter excedido o valor de dois salários mínimos. No caso, a quantia de R$1760;
  • Ter sido cadastrado no PIS por, no mínimo, 5 anos;
  • No ano-base, é preciso ter exercido atividade remunerada com carteira de trabalho assinada por, no mínimo, 30 dias, consecutivos ou não.

Está com alguma dúvida sobre a tabela do PIS? Diga-nos na área de comentários para que possamos solucioná-los.

Lea também: Veja como consultar seu PIS.

Como sacar o PIS

Seu abono salarial 2018 pode ser sacado de forma simples e prática. Basta você ir à um dos locais a seguir:

  • Agências da Caixa Econômica Federal;
  • Posto de Atendimento Caixa Aqui
  • Lotéricas.

É fundamental que, no momento do saque, o beneficiário esteja portando o seu Cartão Cidadão. Esse documento é usado tanto para sacar o seu benefício do abono salarial quanto para realizar saques do benefício em agências da Caixa E lotéricas. O saque também pode ser realizado por quem porta o Cartão Cidadão, ou a carteira de trabalho.

Quem tem direito ao PIS

O PIS 2018 (Programa de Integração Social) é um dos Abonos Salariais mais importantes que o Governo disponibiliza aos trabalhadores, os quais aguardam ansiosamente, todos os anos, para poderem sacar este importante benefício que auxilia e incentiva milhares de pessoas anualmente, que podem utilizar o valor da forma como desejarem. Por isso, é fundamental que o trabalhador conheça os seus direitos e saiba quem tem direito ao PIS, para não perder a oportunidade de sacar esse importante benefício.

Quem tem direito ao PIS
Quem tem direito ao PIS – Regras para receber o PIS

O PIS junto com o PASEP (Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público) permite com que os seus beneficiados possam contar com um valor a mais que é pago, respectivamente, a partir do mês de aniversário e conforme o número final do cadastro no programa. Dessa forma, quem tem direito o PIS aproveita para quitar parte de suas dívidas ou fazer algum importante investimento. É por isso que o Abono Salarial é também chamado de décimo quarto salário.

Como se sabe, o PIS é o programa direcionado aos trabalhadores que atuam em empresas da iniciativa privada, enquanto o PASEP é para os servidores públicos. Mas é claro que as regras para participar dos programas não se resumem somente a este critério, pois que existem outros que são necessários para poder auxiliar justamente quem realmente precisa e merece receber o PIS 2018. Se você não conhece as regras do programa precisa ler este artigo até o final, pois irei te mostrar todos os requisitos solicitados para que você possa fazer parte deste importante Abono Salarial. Me acompanhe!

Quem tem direito ao PIS?

Quem tem direito ao PIS

Para poder participar do programa é necessário que o trabalhador atenda os seguintes requisitos, a saber:

  • Estar cadastrado no programa pelo período mínimo de cinco anos;
  • Deverá ter trabalhado pelo menos 30 dias consecutivos ou não, com a carteira assinada durante o período de ano-base;
  • Deverá ter ganhado no máximo até dois salários mínimos no ano-base de apuração;
  • Deverá ter os seus dados devidamente informados pela empresa ao Ministério do Trabalho através do RAIS (Relação Anual de Informações Sociais), cuja responsabilidade é exclusiva do seu empregador.

PIS 2018 – Quem tem direito ao Abono Salarial

O PIS foi criado na década de 1970 com o intuito de financiar o pagamento do Seguro-desemprego e do abono dos funcionários que atuam nas empresas do setor privado e cuja legislação seja regida pela Consolidação das Leis do Trabalho ou CLT.

PIS 2018
PIS 2018

Todos os anos, o Governo Federal divulga a tabela de pagamentos do PIS que é liberada conforme o mês de aniversário do trabalhador. Geralmente os pagamentos são iniciados no mês de Julho de um determinado ano e com encerramento do período no mês de junho do ano seguinte.

Valor do PIS 2018

Valor do PIS 2018O pagamento é feito de modo proporcional ao tempo em meses que o trabalhador comprovadamente executou suas atividades, durante o respectivo ano-base de apuração. Deste modo, quem tem direito ao PIS e trabalhou durante todo o ano receberá o valor referente a um salário mínimo integral, mas se o período for inferior a este período é necessário fazer o cálculo para descobrir qual é o valor proporcional a que se tem direito.

Para fazer o cálculo é só seguir o método seguinte que é bem simples: pegue o valor do salário mínimo vigente e divida por 12 (período referente a um ano) e depois multiplique pelo número de meses trabalhados. O resultado obtido será o valor que irá receber pela Caixa Econômica Federal.

Consulta ao PIS – Regras para receber o PIS

Consulta PIS 2018Se você ainda possui dúvidas sobre quem tem direito ao PIS 2018 se está devidamente cadastrado no PIS ou gostaria somente de confirmar se poderá contar com o benefício agora em 2018 precisará fazer uma consulta, a qual é possível através da internet, ou seja, no seu computador a qualquer momento ou dia que preferir.

O procedimento é bem simples, basta acessar o site da Caixa por meio deste link (https://servicossociais.caixa.gov.br/internet.do?segmento=CIDADAO01). Assim que a nova janela for aberta é só preencher o formulário com os seguintes dados, a saber: o seu NIS (Número de Inscrição Social) e a sua senha internet (caso não a possua é só fazer o cadastro através do botão “Cadastrar senha”). Em seguida, é só clicar em “OK” e depois verificar na nova página todas as informações referentes ao seu benefício.

E não custar lembrar que esteja na lista de quem tem direito ao PIS deverá fazer o saque antes de 30 de Junho de 2018 senão perderá o Abono referente ao período. O saque é realizado nas agências da Caixa, Correspondentes Caixas Aqui ou então nas Casas Lotéricas. Aproveite!

Que tal passar essas informações para os seus amigos? Compartilhe este artigo com eles nas redes sociais.

Cadastro PIS – Como se cadastrar no PIS

O Programa de Integração Social ou simplesmente PIS é um importante programa que oferece o Abono Salarial pelo Governo Federal, todos os anos, a milhares de trabalhadores brasileiros.  Um dos seus principais objetivos é incentiva-los a continuarem exercendo suas atividades com a Carteira de Trabalho assinada e durante muito tempo. Para isso, é necessário ter o Cadastro PIS. Por isso, vamos ensinar nessa matéria como se cadastrar no PIS, para poder ingressar no mercado de trabalho!

Cadastro PIS - Como cadastrar o PIS
Cadastro PIS – Como cadastrar o PIS

Como se sabe, o programa é voltado para os trabalhadores que estão devidamente cadastrados no PIS e que atuam em empresas da iniciativa privada. Mas como esse procedimento é realizado? É o que você verá ao longo deste artigo.

Veja também: Regras para receber o PIS.

Como se cadastrar no PIS

O cadastro no PIS é realizado pelo seu empregador e uma única vez na Caixa Econômica Federal. Ele pode escolher a melhor das duas opções disponíveis que o atenda melhor: através do Conectividade Social ou CNS em lote ou então por meio do acesso direto do sistema pela empresa.

A primeira opção é mais rápida e assim permite com que vários funcionários possam ser cadastrados em pouco tempo. Para se ter acesso a este modelo é preciso ter o certificado digital padrão ICP-Brasil.

Além do mais, o modelo do Conectividade Social disponibiliza outras vantagens que são as seguintes:

  • Consulta CRF;
  • visualização de relatórios;
  • Edital Eletrônico;
  • Depósito Recursal;
  • Acompanhamento do FGTS – SMS.

Cadastro PIS pela Internet

Outra boa alternativa para a realização do cadastro é realizada por meio do portal do Dataprev (https://www5.dataprev.gov.br/cnisinternet/faces/pages/index.xhtml). Nele, você deverá escolher a opção “Inscrição” que se encontra no menu principal e depois optar por “Filiado”. Na nova janela aberta é só fazer o preenchimento dos dados solicitados pelo sistema para receber o seu número no final.

Cadastro PIS pela Internet
Cadastro PIS pela Internet

Com o número do PIS, você pode agendar sua carteira de trabalho, consultar o saldo de benefícios sociais, e sacar benefícios previdenciários.

Cadastro PIS como autônomo

Se você faz parte da categoria de trabalhadores considerados autônomos, ou seja, se exerce suas atividades como um contribuinte individual, facultativo, empregado doméstico ou segurado especial poderá solicitar o seu número do PIS pessoalmente em uma das agências da Caixa PIS que irá te cadastrar no Regime Geral de Previdência Social. Não custa lembrar que você deverá levar consigo todos os seus documentos pessoais que serão solicitados no momento.

Diferença entre PIS e NIS

Você já deve ter ouvido ambas as siglas diversas vezes, não é mesmo? Pois bem, a segunda significa Número de Identificação Social que é realizado na Caixa com o intuito de identificar os cidadãos que possam ter ou venham a adquirir os vários benefícios sociais.

Desta forma, o NIS se transforma no PIS, ou seja, a partir do momento em que se estabelece um vínculo empregatício a inscrição do NIS é cadastrada e passa a ser o PIS, ou se for o Abono Salarial dos servidores públicos será o PASEP.

Importância do cadastramento do PIS

Além de ser obrigatório por parte do empregador é muito importante que o trabalhador seja cadastrado no programa, pois garantirá os seus direitos e benefícios sociais, os quais são de responsabilidade administrativa da Caixa como, por exemplo, o Seguro desemprego 2018, o Abono salarial 2018 do PIS e o FGTS.

Valor do PIS 2018

O valor do PIS é proporcional ao tempo de trabalho realizado e comprovado. Desta forma, se você trabalhou 12 meses irá receber o valor integral que é de um salário mínimo vigente, mas se for menos tempo, o seu beneficio será menor.

Tabela de valor PIS/PASEP
Tabela de valor PIS/PASEP

O que você achou desse artigo, esclareceu todas as suas dúvidas? Deixe sua mensagem nos comentários abaixo.

Caixa PIS 2018

CAIXA PIS – O PIS (Programa de Integração Social) é um modelo de Abono Salarial que, todos os anos, beneficia milhares de profissionais que atuam em empresas da iniciativa privada no Brasil. Com o PIS, o beneficiário pode contar com até um salário extra, concedido em uma única parcela, para gastar o valor da forma que achar mais interessante ou necessária. Esse abono salarial é pago através da Caixa Econômica federal todos os anos, e funciona como um décimo quarto Salário.

CAIXA PIS - Valor do abono salarial Caixa, Calendário PIS 2018
CAIXA PIS – Valor do abono salarial Caixa, Calendário PIS 2018

Além do PIS existe também o PASEP 2018 (Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público) que é destinado aos servidores públicos. O PIS é pago pela Caixa Econômica Federal, enquanto o PASEP é de responsabilidade do Banco do Brasil. Veja a seguir como funciona esse programa e como você pode contar com esse benefício.

Quem tem direito ao PIS

Os trabalhadores que tem direito ao abono salarial 2018 são aqueles que atendem os seguintes requisitos:

  • Estar cadastrado no PIS em um prazo mínimo de cinco anos;
  • Ter trabalhado durante o período mínimo de 30 dias, consecutivos ou não, durante o ano-base que é considerado para a devida apuração, com a referida comprovação na Carteira de Trabalho;
  • Ter recebido remuneração mensal média de até dois salários mínimos durante o período de apuração;
  • Ter seus dados corretamente informados na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) feito pelo empregador ao Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).

Atenção: pela regra atual, Empregadas domésticas não tem direito ao PIS, bem como funcionários públicos e empresários.

Caixa PIS Valor

O valor que o beneficiário recebe é de até um salário mínimo vigente no período do pagamento. Com as novas regras adotadas por meio da Lei 13.134/15, agora o trabalhador recebe o valor proporcional ao tempo de trabalho comprovadamente realizado, que deve ser multiplicado por 1/12.

Vale lembrar que, para efeito de cálculo considera-se o período de 15 dias ou mais como mês integral, ou seja, se você trabalhou 4 meses e 16 dias deverá calcular o abono como 5 meses.

Calendário PIS 2018

O pagamento do PIS é realizado de acordo com o calendário PIS 2018 disponibilizado no início do ano pela Caixa Econômica Federal. E, por via de regra, sempre foi estabelecido uma data limite, para que os contemplados pudessem realizar o saque do seu beneficio.

Tabela PIS 2018 para Correntistas
Tabela PIS 2018 para Correntistas

Entretanto, como mais de 1 milhão de trabalhadores deixaram de sacar o abono referente ao período 2016/2017, o CODEFAT (Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador) ampliou o prazo. Se você não sacou o seu PIS 2018 poderá fazê-lo até o dia 30 de dezembro de 2017.

Se você não fizer o saque até essa data, perderá o direito ao Abono deste período. Caso tenha dúvidas e gostaria de saber se tem direito ao PIS, basta acessar este link (http://abonosalarial.mte.gov.br/), informar o número do seu CPF ou PIS/PASEP, sua data de nascimento, o código de segurança gerado e depois clicar no botão “Consultar” para conferir.

Como sacar o PIS

Após conferir a data no calendário em que o pagamento estará disponível você deverá fazer o seguinte:

  • Se não for cliente da Caixa: Leve um documento com identificação, número do seu PIS e Cartão Cidadão (se tiver) a uma agência da instituição bancária ou Casa Lotérica, para realizar o saque;
  • Se for cliente da Caixa: Basta conferir na sua conta se o depósito foi realizado na data equivalente.

Em caso de dúvida, ligue para a Central 0800 726 0207 ou então deixe uma mensagem nos comentários abaixo.